Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: PortuguêsEnglishEspañol

Universidade Federal do Ceará
Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução

Área do conteúdo

Áreas Temáticas

1. Tradução comentada e paratextos: os agentes e fatores socioculturais envolvidos no processo tradutório

Palavras-chave: Estudos da Tradução, Estudos Culturais, Tradução comentada, paratexto.

Bibliografia:

BAKER, Mona; SALDANHA, Gabriela. Routledge Encyclopedia of Translation Studies. 3. ed. London & New York: Routledge, 2020.

BERMAN, Antoine. A tradução e a letra, ou, o albergue do longínquo. Tradução de Marie-Hélène Catherine Torres Mauri Furlan Andreia Guerini. Rio de Janeiro: 7Letras/PGET. 2007.

BRISSET, Annie. Perspectivas culturais sobre a tradução. Tradução de Marcos Bagno. Traduzires Vol. 1 N.1. Maio 2012.

DELISLE, Jean; WOODSWORTH Judith. Os Tradutores na História. Tradução de Sergio Bath. São Paulo: Editora Ática, 1998.

GUERINI Andréia, TORRES Marie Hélène C., COSTA Walter, (Orgs) Literatura e Tradução. Textos selecionados de José Lambert. Rio de Janeiro: 7Letras, 2011.

LEFEVERE, André. That Structure in the Dialect of Men Interpreted. In: Comparative Criticism. Vol. 6, Ed. E. S. Shaffer. Cambridge: Cambridge University Press, 1984, pp. 87-100.

  _______.Translation / history / culture: a sourcebook. London; New York: Routledge, 1992b.

MITTMANN, Solange. Notas do tradutor e processo tradutório: análise e reflexão sob uma perspectiva discursiva. Porto Alegre: Editora UFRGS, 2003.

PYM, Anthony. Text and Risk in Translation. Intercultural studies group, Universitat Rovira i Virgili: Tarragona, Spagna, 2010.Disponibile al sito: Http://usuaris.tinet.cat/apym/online/

translation/risk_analysis.pdf.

TYMOCZKO, Maria. Ideology and the Position of the Translator: In what sense is a translator “in between”?, In: PÉREZ, Calzada M. (ed.), Apropos of Ideology: Translation Studies on Ideology-Ideologies in Translation Studies. Manchester: St. Jerome Publishing, 2003, p. 181–201.

WILLIAMS, Jenny; CHESTERMAN, Andrew. The Map: a beginner’s guide to doing research in translation studies. Manchester: St. Jerome Publishing, 2002.


2. Tradução e recepção: os intelectuais intérpretes do Brasil (como Gilberto Freyre, Sérgio Buarque de Holanda, Darcy Ribeiro) traduzidos para a língua italiana.

Palavras-chave: Estudos da Tradução, literatura nacional, língua e cultura italiana

Bibliografia: 

BRITTO, Paulo Henriques. Tradução Literária. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012.

COSTA, Walter Carlos. O texto traduzido como re-textualização. Tradução de Helen Conceição, Silvia Corti e Pedro M. Garcez. Cadernos de Tradução, v.2, n.16. Florianópolis, 2005. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/traducao/article/view/6656.

GUERINI Andréia, TORRES Marie Hélène C., COSTA Walter, (Orgs) Literatura e Tradução. Textos selecionados de José Lambert. Rio de Janeiro: 7Letras, 2011.

MITTMANN, Solange. Notas do tradutor e processo tradutório: análise e reflexão sob uma perspectiva discursiva. Porto Alegre: Editora UFRGS, 2003

PALMA, Anna. La Poetica della traduzione di Machado de Assis in italiano: o Anjo Rafael. Tese de Doutorado – Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2010.

PYM, Anthony. Text and Risk in Translation. Intercultural studies group, Universitat Rovira i Virgili: Tarragona, Spagna, 2010. Disponibile al sito: Http://usuaris.tinet.cat/apym/online/

translation/risk_analysis.pdf. Accesso in: 24 febbraio 2014.

SILVA, Márcia Moura da. Análise da tradução de termos indígenas em Macunaíma de Mário de Andrade na tradução de Héctor Olea para o espanhol. Florianópolis, 2009. 130 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução Disponível em: <http://www.tede.ufsc.br/teses/PGET0052-T.pdf>

SORRINI, Alfredo. Penisola iberica e colonie americane: una relazione “eccezionale”. Il caso brasiliano. Diacronie. Studi di Storia Contemporanea, vol. 6, n.4, 2011, pp.1-23. Disponibile al sito: Http://www.studistorici.com/wpcontent/ uploads/2011/09/SORRINI_BRASIL.pdf.

SOUZA, Jessé. Democracia racial e multiculturalismo: ambivalente singularidade cultural   brasileira. Estudos afro-asiáticos, Rio de Janeiro, n. 38, 2000. Disponibile al sito: Http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101- 546X2000000200007. Accesso in: 3 gennaio 2013.

_____ . Traduzir o Brasil literário. História e Crítica. Supervisão da tradução de Germana Henriques Pereira de Sousa. Tradução de Clarissa Prado Marini, Sônia Fernandes e Aída Carla Rangel de Sousa. Tubarão: Ed. Copiart, Florianópolis, PGET/UFSC, 2014.

ZORNETTA, Katia. Darcy Ribeiro in Italia: analisi descrittive dei romanzi Maíra e utopia selvagem. 2015. 380 p. Tese (Doutorado) – Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2015. Disponível em: http://www.bu.ufsc.br/teses/PGET0272-T.pdf

Acessar Ir para o topo